SEO é um tema que por muito que se fale parece nunca ser suficiente. É por isso que decidi dar continuidade ao tema e apresentar alguns erros de SEO que ainda se cometem. Então aqui vamos nós!

Ainda se lembra do significado de SEO (Search Engine Optimization)? Resumidamente, consiste em otimizar o website de forma a que os seus conteúdos apareçam em primeiro lugar nos motores de busca sempre que é feita uma pesquisa sobre o tema. Como é que se consegue isto? Através de conteúdos com interesse para o nosso público alvo trabalhados de forma a serem interpretados com clareza pelos motores de busca como sendo relevantes. Não lhes tente dar a volta! Seja genuíno.

Excesso de palavras chave é que é bom

Um conteúdo de qualidade não depende da repetição excessiva de palavras-chave. São importantes para atrair Leads? São sim senhor. Mas o mais importante é que o mesmo siga um raciocínio lógico e que transmita uma mensagem verdadeiramente valiosa. Não adianta repetir vezes sem conta a mesma palavra-chave, mesmo em frases onde não faça sentido. O utilizador vai notar e, acredite, os motores de busca também!

O papel das meta descriptions no SEO

A Google já anunciou há vários anos que as meta descriptions não exercem influência direta no SEO. Devemos então abandoná-las? Não, de todo. Podem não contribuir diretamente para o ranking do seu website mas contribuem positivamente para a imagem que cria junto dos seus seguidores. Uma breve descrição do conteúdo pode ser um incentivo ao click e também podem ajudá-lo a “separar o trigo do joio”.

O H1 é o meu melhor amigo

O H1 ou o título é de extrema importância, mas não é o rei da festa quando se trata de SEO. Já foi mais ou menos assim, mas atualmente já não é. Imagine que usa um título apelativo sobre um determinado tema que o leva a clicar num conteúdo e depois… CABUM! Não encontra nada do que lhe prometeram. Que desilusão. É por isso que o título deve descrever com rigor o conteúdo e não basear-se apenas em palavras chave ou frases feitas para os motores de busca. Deve sim ser claro, objetivo e dirigido ao utilizador.

Como já deve ter percebido, estes são apenas 3 erros, talvez os mais comuns, entre centenas que aparecem diariamente na internet. Mas não o quero maçar mais. Por isso, a melhor dica que lhe posso deixar é esta: produza conteúdo para o seu público e não para os motores de busca. Preocupe-se sim com os H1, com as keywords que utiliza e até com as meta descriptions mas faça-o de uma forma natural, sempre com o intuito de passar uma mensagem verdadeira acerca dos seus produtos e serviços.

Para o ajudar nesta questão, conte connosco e aproveite a nossa promoção em Serviços Web.

Leave a Comment